A internet como a conhecemos em risco na terça feira.

Para quem ainda não sabe terça feira será votada uma lei no parlamento europeu que pode acabar com a internet como a conhecemos.

Fica aqui um pequeno excerto de um email que anda a circular:

Segundo estas leis, os provedores de serviço, ou seja as empresas que nos fornecem a internet, PT, Zon, Clix entre muitas outras, vão poder legalmente limitar o número de websites que visitamos, além de nos poderem limitar o uso ou subscrição de quaisquer serviços que queiramos de algum site.

As pessoas passarão a ter uma espécie pacotes de internet parecidos com os da actual televisão. Será publicitada com muitos “novos serviços” mas estes serão exclusivamente controlados pelo fornecedor de internet, e com opções de acesso a sites altamente restringidas.
Isto significa que a internet sera empacotada e a sua capacidade de aceder e colocar conteúdo será severamente restringida. Criará pacotes de acessibilidade na internet, que não se adequam ao uso actual que damos à internet hoje.

Para quem é blogger esta é uma pessima noticia embora eu acredito seriamente que isto não irá para a frente.

Os isp iam deixar que vender os pacotes mais caros e com mais trafego disponivel porque iam deixar de puder passar o dia na internet a navegar. O google perderia o seu negócio de pesquisas, sendo o número de sites limitados não seria preciso andar a fazer pesquisas e por ai fora.

Que dizem disto? Acham mesmo que os politicos têm coragem para aprovar uma lei tão estupida como esta?


9 comentários a “A internet como a conhecemos em risco na terça feira.”

  1. Não tinha de todo conhecimento desta notícia e estou até chocado com o que acabei de ler.

    Isso acontecer é impensável, pelo menos para mim. Não faz sentido nenhum essa medida ser aprovada, pois só vejo benefícios para os ISP’s e não para os consumidores.

    Felizmente eu acredito na classe política e espero que eles me deêm terça-feira uma razão para continuar a acreditar.

    Concluindo, acho que essa medida não vai avante, uma vez que vai contra a lógica do mundo globalizado em que vivemos. Não faz sentido restringir a informação actualmente.

  2. Hugo a noticia é verdadeira isso posso garantir. Agora se vai ser aprovada ou não já é diferente. Espero que não seja.

    Deboche BR depende de que lado vires a coisa. Para uns ia fazer perder dinheiro para outros se calhar não.

    Benny sim tudo o que dizes é verdade mas às vezes. Eu espero até pelos problemas que isso pode trazer para os políticos que não seja aprovada.

  3. Olá, Nelson

    Eu não confio na classe política e acho que não se importam muito com o Google que é uma empresa norte-americana.
    Não tinha conhecimento desta notícia mas acho que é uma para a qual a opnião pública será decisiva.
    Vou por um link no meu Twitter deste post.
    Espero que sirva para ajudar a divulgar.

  4. Ideia estúpida, ridícula.
    A internet passaria a não ter a utilidade que tem hoje.

    Sem contar nas limitações sociais que geraria, ainda mais.

    Espero que está notícia não seja séria e se for, que essa lei imbecil não seja aprovada.

  5. Maria o google é uma empresa mundial. obrigado pela divulgação.

    Cristiano como eu disse acima a noticia infelizmente é verdade a hipotese é não ser aprovada.
    A internet sofria uma grande queda sem dúvida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *