Arquivo de etiquetas: os blogs do dinheiro

Às vezes as boas ideias dão trabalho.

Muita gente que começa um blog pensa que é uma coisa que não dá trabalho nenhum e que é muito fácil mas também se enganam.

Se alguns tipos de blogs exigem pouca manutenção e pouca actualização a grande parte não é assim.

Por exemplo o meu texto “28 maneiras de ganhar dinheiro com um blog” foi o texto que me demorou mais a escrever mas penso que ficou um texto de qualidade. Demorei quase 4 horas a fazer o texto entre ler textos em inglês sobre vários programas de publicidade, ler algumas listagens de programas e ver na minha própria lista que programas poderia adicionar mas penso que compensou. Claro que eu posso achar isto e os visitantes não tudo depende se o visitante encontrou alguma novidade ou se o texto foi uma repetição de uma coisa que já conhecia mas para mim tem qualidade e pode dar muitas ideias a quem pretende rentabilizar um blog.

Outro dos textos que acho que deve ter demorado a escrever foi o do Benny com o título “Os blogs do Dinheiro“. Lá podemos encontrar mais de 50 blogs que encaixam no nicho de ganhar dinheiro online em português. Não sei quanto tempo demorou a criar este texto (já agora fica aqui a pergunta) mas imagino que tenha demorado algum tempo entre pesquisar os blogs, escrever o texto com a organização que tem e tudo o resto. Mas é um texto de qualidade isso é certo. Quando tiver tempo vou fazer uma visita aos blogs que não conheço lá da lista e ver o que posso aprender com cada um deles.

Acho também que um post do género vai servir para aumentar a exposição do blog do Benny e fica a ideia para ele fazer uma coisa do genéro do que o Hugo fez mas para blogs em inglês. Nem precisava de ser um top era mais uma página com mais informações sobre cada blog ou alguma outra ideias que surja.

Para quem se quer iniciar no mundo da blogosfera ficam aqui estes dois exemplos de textos que deram trabalho a criar e que pretendem contrariar a ideia que um blog é uma coisa simples e que sem qualquer trabalho rende dinheiro.

Concordam comigo ou não?