Arquivo de etiquetas: ptservidor

Alojamento na PTServidor

A PTServidor é uma empresa de alojamento e é onde o Webvicio se encontra alojado.

Alojamento Web de qualidade PTServidorNão tenho razões de queixa da mesma e só posso dizer bem, e é por isso que me mantenho aqui alojado.

Oferece bons serviços a um bom preço e se mesmo assim acharmos que os valores são caros (custa sempre gastar dinheiro 🙂 ) podemos dar uma vista de olhos à zona das promoções.

A empresa oferece um variado leque de serviços tais como:

  • Alojamento (Linux e Windows)
  • Revenda de alojamento
  • VPS
  • Rádios
  • Registo de domínios
  • Etc

O ponto forte é sem dúvida o suporte. Ainda à poucos dias fui tratar de uma coisa à minha conta de cliente e passado 2 minutos já tinha no messeger a confirmação que a situação estava a ser tratada. Quando tenho algum problema se entrar em contacto com o suporte sei que rapidamente terei uma resposta. Para tirar dúvidas ou simplesmente resolver algum problema com o nosso alojamento podemos contar com o suporte.

Quem trabalha com computadores sabe que por vezes eles se lembram de tirar férias sem razão aparente, o que se traduz em sites offline, mas com a PTServidor sei que se isso acontecer terei sempre alguém que rapidamente vai tomar conta da situação e que da forma mais rápida possível vai resolver a ocorrência.

É por isto tudo que recomendo a PTServidor. Venham até cá que eu vou continuar por cá.

Problemas ultrapassados.

Possivelmente alguns dos habituais visitantes ainda conseguiram ler o texto em que indicava que o blog estava com problemas, outros só viam o blog em baixo e não conseguiam aceder.

Ao inicio pensei que o problema fosse menos grave do que realmente era. Ao inicio pensei que fosse um problema com os feeds que quer na versão email quer na versão para leitores de feeds não funcionavam. Os posts programados também não mas se eu escreve-se um texto e o publicasse na hora ele era publicado.

Só ontem ao receber um email do Nuno do MKgratis é que vi que o problema era maior. No email ele perguntava o que se passava que o blog estava em baixo à dias o que eu achei estranho porque eu consegui aceder.

Ao falar com o Francisco da PTServidor é que ele deu com o problema. O mal estava nos nameservers que eu estava a usar no domínio e que deixaram de funcionar. Quando surgiram os problemas eu lembrei-me de várias hipóteses mas nenhuma tinha a ver com os nameservers. Desactivei e tornei a instalar os plugins um a um para testar e já ia para fazer o mesmo ao wordpress a ver se resolvia quando surgiu a solução.

Os problemas estão ultrapassados e só tenho de agradecer à PTServidor e ao Francisco que prontamente e como sempre se dispôs a ajudar.

As minhas desculpas a todos os que tentaram aceder ao blog e o encontraram em baixo.

Formação Google Adwords oferecida pela PTServidor.

A empresa PTServidor tem uma parceria com a Google Portugal que todos os seus clientes sabem porque já devem ter aproveitado o facto de serem oferecidos vales adwords aos clientes.

Mas como as vantagens não se ficam por aqui a PTServidor oferece formação AdWords de forma gratuita aos clientes.

O curso destina-se a todos que usem o adwords de forma profissional.

O curso tem a duração de 7 horas é é dado pela Galileu. No final será oferecido um vale AdWords de 50€ e um certificado de formação Google.

A formação vai decorrer no dia 26 de Setembro em Lisboa (já se encontra esgotada a lotação)  e no Porto (restam 6 lugares).

Para se inscrever tem até ao dia 20 de Setembro e só tem de enviar um email para f.esteves@ptservidor.com com:

Assunto: Formação Google AdWords
Nome
Empresa
Email
Contacto
Site
Local (Lisboa ou Porto)

Para quem ainda não é cliente porque não experimenta a PTServidor. As iniciativas com vantagens para os clientes não vão parar e o serviço prestado é de qualidade.

Como se iniciar no adwords.

Eu à tempos atrás aproveitando uma promoção da PTServidor (eles oferecem um vale adwords entre 50€ a 100€ dependendo do valor da compra) iniciei-me no Adwords. Como a campanha é apenas para contas novas ou criadas à menos de 14 dias e eu ainda não tinha conta lá me lancei eu como anunciante. Como nota referi apenas que qualquer que seja o valor do vale têm sempre se colocar pelo menos 10€ para activar a conta.

Quando criei a conta juntando o vale dado pela PTServidor  com o valor que coloquei lá através do cartão de crédito fique com 80€ já descontando os 5€ de taca de activação. Como me estou a iniciar nisto e não quero gastar dinheiro à toa estou a começar muito devagarinho.

Para começar devagar criei apenas um anúncio muito simples:adwords

A ideia que quis dar é que com um blog se pode ganhar dinheiro na internet. Como não sabia bem como a coisa funcionava optei também por escolher um valor máximo que ia pagar por clique de 2 cêntimos. Um valor baixo que eu sabia que significava que assim ia ter poucas visualizações já que iriam existir anúncios a pagar mais e que iam aparecer antes do meu. Mas como o objectivo principal era não gastar muito dinheiro e aprender algumas coisas não havia problema.

Depois do anúncio criado vem uma das partes mais importantes a escolha das keywords em que quereremos que o anúncio apareça. O segredo aqui é conseguir encontrar palavras chave que estejam relacionadas com o anúncio mas que por outro lado tenham pouca concorrência para assim pagarmos menos.

Eu para este anúncio criei uma lista com 34 keywords. Uma mais curtas com apenas 2 palavras e outras mais longas com 5 palavras. O google vai analisar as palavras chave e vai atribuir um indice de qualidade de acordo com a relevancia do texto do anúncio e com a página de destino neste caso o endereço webvicio.com. Em algumas das keywords obtive um indice de qualidade “ok” que significa que poderia melhorar um pouco mas em grande parte obtive “muito boa” a nota máxima.

Este anúncio até agora tem 930 visualizações e 26 cliques que dá 2,80% de CTR. Um valor baixo que significa que o anúncio não chama muito a atenção de quem o lê um aspecto e melhorar para um próximo anuncio. Neste caso esse aspecto não tem impacto no valor gasto porque apenas pago por clique. Se o anúncio fosse pago por visualização então ai teria de o tornar o mais apelativo possível.

Na nossa conta podemos ainda encontrar a posição média que determinada keyword tem de acordo com o valor pago. A minha keyword melhor posicionada tem uma posição média de 4,9 (1,0 é o melhor) o que quer dizer que é uma keyword com pouca concorrência e que mesmo pagando apenas 2 cêntimos tenho em média 4 anúncios à minha frente e que pagam mais. Pelo contrário e como o esperado a keyword “ganhar dinheiro” é a que se encontra em pior posição com um valor médio de 70,0. Isto quer dizer que existem 69 anúncios à frente do meu e que estão a pagar mais por essa keyword que eu.

Existem ainda outras keywords que não tiveram qualquer impressão e que não tem qualquer informação sobre a posição média. Não existe procura para essas keywords e o anúncio não aparece.

Estou a aprender bastante com esta experiência e o valor que gastei 52 cêntimos não é nada comparado com o que aprendi. Além disso ainda tive 26 visitantes no blog para juntar ao lado positivo.

Aqui fica a primeira lição para quem quiser se iniciar ao adwords. Mais lições surgirão nos próximos tempos.

E vocês já usam adwords?

Automatizar os backups e o seu armazenamento.

Com o problema que houve recentemente com a PTServidor em que tiveram um servidor atacado e que actualmente ainda estão a tentar recuperar alguns dos backups do disco que tem alguns sectores danificados lembrei-me ainda mais que ter backups é fundamental. Muitas das contas já foram recuperadas e se algumas ainda não foram é porque os seus donos não tinham backups. A PtServidor está a tentar tudo para recuperar os dados e espero que tenham sucesso nisso mas se os donos dos blogs/sites tivessem backups já teriam os seus sites online. O facto de a empresa de alojamento fazer backups não é garantia total de segurança porque como vêm se apenas tiverem um backup os problemas podem acontecer. Além da empresa também vocês devem ter os vossos próprios backups. Neste caso a PTServidor está a fazer um grande trabalho e que já teve grandes custos para eles para mandar vir o disco da América de forma urgente. Nem todas em empresas de alojamento faziam isso e merecem os parabéns por isso.

Este acontecimento fez-me pensar se estava a agir correctamente em relação aos backups. Eu usava um plugin que semanalmente enviava por email o backup da base de dados e assim no maximo se alguma coisa acontece-se perdia 1 semana de trabalho. Digo usava porque mudei de método que este não me parecia suficiente.

Em primeiro lugar criei uma nova conta do Gmail (podem usar outro qualquer email apenas usei este devido à sua grande capacidade de armazenamento e por já estar habituado a trabalhar com ele) apenas para armazenar os backups. Achei melhor criar um novo email por uma questão de organização mas isso fica ao vosso critério. Os backups ficam assim num servidor diferente do servidor do blog.

Depois instalei o plugin WP-DBManager. Tive de criar uma pasta “backup-db” na pasta “wp-content” com as permissões 777 e de resto é como os outros plugins fácil de instalar. Depois configurei-o para todos os dias me enviar para o email um backup da base de dados e activei a compressão Gzip. Escolhi uma vez por dia mas podia colocar mais frequentemente se quisesse. Acho que apenas se justifica mais que uma vez por dia se o blog tiver várias actualizações por dia.

Escolhi este plugin porque além de me dar todas as opções para escolher de quanto em quanto tempo quero o backup permite ainda fazer uma optimização à base de dados e configurar automaticamente a optimização no meu caso mensalmente. Permite ainda reparar a base de dados e se quisermos apagar alguma tabela ou simplesmente apagar o conteudo de alguma tabela da base de dados.

Depois vou ainda semanalmente ou quinzenalmente fazer download do ficheiro de backup e guarda-lo numa pen para ter em dois lugares diferentes os backups para prevenir qualquer eventualidade.

Agora é so aplicar este plugin a todos os meus outros blogs e acho que com isto posso evitar muitas chatices caso futuramente surja algum problema com o alojamento. Não se esqueçam também que não é so a base de dados que precisa de backups. O theme por exemplo caso o tenham personalizado também deve ser alvo de backups sempre que fazem mudanças.

E vocês fazem os vossos backups regularmente ou nunca se preocuparam com isto?